+55 (65) 3642-1228

+55 (65) 3642-1228

Av. Mato Grosso, 188 - Bairro Araés, Cuiabá/MT

Novidades

Telemedicina aproxima paciente e médico no pós-pandemia

Telemedicina aproxima paciente e médico no pós-pandemia

Telemedicina aproxima paciente e médico no pós-pandemia

Publicado por Oncocenter em 21/12/2022 às 18:04

Consulta com especialistas à distância tornou-se uma realidade durante a crise sanitária e a opção de atendimento tem se expandido cada vez mais


A pandemia de Covid-19 trouxe grandes problemas à saúde pública e dor a milhares de famílias brasileiras. Por outro lado, ela forçou mudanças e adaptações à nossa rotina que permaneceram e se estabeleceram no pós pandemia.
 

Segundo o oncologista Dr. Cleberson Queiroz CRM - MT: 4431 / RQE: 1817, da Oncocenter, houve uma regulamentação positiva na área da medicina: a telemedicina. De acordo com ele, antes da pandemia, esse tipo de atendimento era proibido, com raras exceções. Agora, essa prática foi permitida à distância, desde que resguardados os devidos cuidados, como ter registro adequado em prontuário e limitações ao exame clínico do paciente.
 

De acordo com Dr. Cleberson, a teleconsulta traz a possibilidade de pacientes poderem ser avaliados por diferentes especialistas e por outros que sequer moram perto do domicílio do paciente, o que facilita e melhora o atendimento em termos de qualidade, sem a necessidade de longos e caros deslocamentos.
 

Permite ainda que o paciente obtenha uma segunda opinião sobre um caso complexo antes de se submeter a tratamentos delicados. Isso é bom para os dois lados: para o paciente que tem mais segurança na conduta sugerida, e para os profissionais que podem ter sua conduta referendada”, afirmou.

Telemedicina aproxima paciente e médico no pós-pandemia — Foto: Reprodução

Telemedicina aproxima paciente e médico no pós-pandemia — Foto: Reprodução

Estrutura

Um exemplo para a praticidade e facilidade da telemedicina, segundo o doutor, ocorre na área do tratamento de câncer. A maioria dos médicos especialistas trabalham em cidades maiores, com mais estrutura médico-hospitalar para realizar tratamentos complexos.
 

Isso força muitos pacientes a se deslocarem para longe de casa, muitas vezes apenas para fazer uma consulta inicial ou de rotina. Com a regulamentação da telemedicina, oferecemos essa opção ao paciente, onde quer que ele esteja. Desde pessoas residentes em pequenos municípios do estado até pacientes brasileiros que vivem no exterior têm procurado essa opção”, explicou.
 

Conforme o doutor, essa opção de atendimento segue em rápida expansão e deve estar cada vez mais disponível à população. Mas há limites, contudo.
 

“Por outro lado, deve ser ressaltado que, em muitos casos, a teleconsulta não substitui a avaliação presencial, pois esta permite ao médico realizar o adequado exame clínico do paciente. Além disso, é certamente uma forma de contato que estabelece um vínculo mais próximo entre as partes envolvidas, algo essencial em muitas situações clínicas”, disse.
 

Segundo o doutor, cabe aos pacientes e médicos estabelecerem a melhor forma de atendimento em cada caso de forma a unir a comodidade oferecida pela tecnologia à humanização que só o contato pessoal pode promover.
 

Responsável Técnico pela Clínica Oncocenter Dr Cleberson Queiroz CRM - MT: 4431 / RQE: 1817

Fonte: https://g1.globo.com/mt/mato-grosso/especial-publicitario/oncocenter/noticia/2022/12/21/telemedicina-aproxima-paciente-e-medico-no-pos-pandemia.ghtml

Redes Sociais

Sitevip Internet